Arquivos Autor

Entra em funcionamento o Centro Obstétrico do Hospital São Sebastião

Inaugurado no mês de junho, o Centro Obstétrico do Hospital Notre Dame São Sebastião, que entrou em funcionamento na última sexta-feira (15), oferece uma área aconchegante e ampla às gestantes, durante a preparação e o trabalho de parto, tanto por meio cirúrgico (cesariana) quanto por meio fisiológico (normal). Além disso, dispõe de acomodações adequadas às puérperas, onde receberão, assim como os recém-nascidos, os cuidados adequados.

Contudo, no futuro, o Centro Obstétrico Irmã Maria Josema será destinado apenas à realização do parto normal, incentivando as gestantes a optarem por ele, pois, como explica a enfermeira obstétrica, Eliane Barbosa, conta com equipe especializada na área, além de sala destinada à avaliação da gestante, quartos individuais e coletivos com banheiros amplos, bolas suíças e chuveiros – usados no estímulo ao trabalho de parto, auxiliando na preparação e no relaxamento da gestante.

*As gestantes que desejam conhecer a infraestrutura do Centro podem agendar visita, guiada pela enfermeira responsável, por meio do telefone (54) 3383-4200.

Luzia Camargo

Atendimento Especializado em Nutrição

Uma das ações mais importantes para a vida humana, tanto por razões biológicas quanto por questões sociais e culturais, o ato de alimentar-se engloba aspectos que vão desde a produção dos alimentos até a sua transformação em refeições e a disponibilização às pessoas.

O seu aproveitamento pleno, contudo, depende de Educação Alimentar – orientação transmitida por nutricionista sobre como combinar os alimentos, quais devem ser priorizados e quais precisam ser evitados, de modo que os indivíduos estejam aptos a realizar escolhas conscientes, elaborando um cardápio que atenda as suas necessidades.

Esse profissional pode, ainda, através de uma análise de saúde, estabelecer uma dieta específica para que se atinja determinado fim, seja ele estético ou de controle e combate a doenças, como Diabetes e Obesidade.

Tal análise é feita através de atendimento clínico, no qual o nutricionista realiza a Avaliação Antropométrica, a Avaliação Bioquímica, a Avaliação Clínica e a Avaliação Dietética, antes de elaborar um planejamento nutricional, em que é estipulado, além do consumo de alimentos, o tipo de acompanhamento que será realizado.

Ketty Pinto Corazza  – CRN:5360
Nutricionista, Especialista em Nutrição Clinica e Materno Infantil

 

 

Luzia Camargo

Janeiro Branco: você está de olho em sua saúde mental?

De acordo com a Organização Mundial da Saúde (OMS), estar mentalmente saudável corresponde a um estado de bem-estar no qual uma pessoa consegue desempenhar suas habilidades, lidar com as inquietudes da vida, se relacionar com os demais  e ser produtivo e suas atividades. Conforme a organização, esse estado só pode ser alcançado quando existe um equilíbrio entre a saúde física e a saúde mental.

Foi, justamente, para chamar a atenção para este segundo aspecto que psicólogos brasileiros criaram a campanha Janeiro Branco, relacionando um mês em que as pessoas, normalmente, estão mais focadas em resoluções e metas, com a necessidade e a importância do cuidado psíquico. A intenção, conforme destaca a Assistente Social do Hospital Notre Dame São Sebastião, Juliane Kempf, é fazer com que as pessoas prestem atenção a qualquer sintoma que caracterize algum transtorno psicológico e não tenham receio de buscar ajuda de profissionais. “Toda a área da saúde abraça a campanha Janeiro Branco e estimula a população a refletir sobre sua qualidade de vida, com o objetivo, também, de que elas percebam quando algo não anda bem e saibam que existem profissionais capacitados para ajuda-las a passar pelas fases difíceis”, salienta.

A assistente social destaca que a conscientização se faz imprescindível uma vez que os cuidados com a saúde mental ainda são alvo de preconceito. “Atualmente, vivemos em um período em que buscamos aparentar que estamos sempre bem, e buscar ajuda profissional poderia ser um sinal de fraqueza. Além disso, o pouco conhecimento sobre o que é e para que serve a psicologia, apenas aumenta este preconceito. Cuidar da saúde mental é autoconhecimento, é evitar doenças e criar estratégias de como lidar com as diversas situações da vida”, pontua, lembrando, ainda, que alguns hábitos cotidianos como ter uma boa noite de sono, cuidar da alimentação, praticar exercícios físicos e envolver-se em atividades que promovem satisfação são fundamentais para a garantia de uma boa saúde mental.

 

Foto: portalcoroado.com.br

Luzia Camargo

Orquestra e Coral Notre Dame apresentam “Um Show de Natal”

Na quinta-feira, 29 de novembro, a Orquestra e o Coral Notre Dame apresentaram em Espumoso (RS), o espetáculo  “Um show de Natal” – atividade que marcou o início das festividades alusivas à data, no município. O evento, que teve início às 21h, foi realizado na Casa de Cultura Dr. Getúlio Soares de Chaves e contou com a participação da comunidade em geral.

O repertório apresentado pelo grupo, que é formado por alunos, ex-alunos e educadores do Colégio Notre Dame e da Escola Notre Dame Menino Jesus, de Passo Fundo (RS), foi composto por músicas natalinas tradicionais como, por exemplo, “Sinos de Belém”, “O Bom velhinho”, “Canção dos sinos” e “Noite Feliz”. Além destas, múscias clássicas como “O Fantasma da Ópera”, de Andrew Lioyd Webbwe, Dance of the Death, da banda Iron Maiden, “Natal todo dia”, da banda Roupa Nova e “Vento Negro”, de José Fogaça, animaram o público.

Ao final da apresentação, José e Maria adentraram o ambiente, carregando o menino Jesus nos braços. O gesto simbólico convidou todas os presentes para abrirem seus corações e, com alegria e entusiasmo, celebrarem o Natal que se aproximava.

Luzia Camargo

Gesto Concreto beneficia alunos da rede pública de Espumoso e de Não-Me-Toque

A Rede de Hospitais Notre Dame – composta pelo Hospital Notre Dame Júlia Billiart, localizado em Não-Me-Toque, e pelo Hospital Notre Dame São Sebastião, de Espumoso – promoveu mais uma edição do Gesto Concreto – campanha solidária em prol de crianças em situação de vulnerabilidade social. Para isso, a iniciativa troca camisetas personalizadas por kits contendo brinquedo, alimento, material escolar e de higiene.

Em seu 12º ano de realização, a ação social beneficiou, cerca de, 200 alunos das escolas ASBAM Tia Nastácia e ASBAM Tia Sibyla, de Não-Me-Toque, e da Escola Municipal de Educação Infantil Criança Esperança, de Espumoso.

Os sorrisos com os quais eles agradeceram o gesto solidário são, segundo a coordenadora do projeto, Irmã Margarete Cerutti, o que motiva a persistência. “Os sorrisos, a cada entrega, nos motivam a seguir, com a certeza de que estamos levando alegria e amor para esses pequenos”, afirma. A religiosa, ainda, agradece a todos aqueles que se envolveram, de forma direta ou indireta, com o auxílio às necessidades básicas das crianças, especialmente, os patrocinadores: Jan, Stara, Cotrijal, Roos, Farmácia Santa Júlia, WS Print, Produza, Funerária Graeff, Construtora Follmer, Pastel e Cia, Sicredi, Tecelã, Rádio Planetário AM e Rádio Líder FM, Móveis Florencio, Supermercado Copini, Farmácias São João, Maré Tintas, Sicredi e Werlang Clínica Odontológica.

 

Luzia Camargo

Setembro Amarelo: Um Movimento pela Prevenção ao Suicídio

Durante este mês, o Movimento intitulado “Setembro Amarelo” visa prevenir o suicídio. Tão importante quanto conscientizar a respeito do Câncer de Mama e de Próstata, respectivamente abordados pelo Outubro Rosa e pelo Novembro Azul, tratar dessa problemática faz-se necessário, já que é comprovado que falar é prevenir.

O suicídio pode ser definido como a ação de tirar a própria vida, cujo desejo pode manifestar-se de diversas formas. Suas causas ainda foram atestadas pela literatura, mesmo que, em muitos casos, ele esteja relacionado com quadros de transtornos mentais e de transtornos de humor, como a depressão, ou de uso de substâncias.

A certeza, contudo, é de que falar sobre o desejo de morrer é falar de sofrimento, falar do sujeito que se depara com uma história ou com uma situação de tamanho sofrimento que não vê outra saída, que não a de dar cabo à vida. Frente a esses casos, são necessários uma escuta qualificada (se não qualificada, ao menos preocupada) e um olhar atento e cuidadoso. Afinal, pode não haver uma tentativa explícita, mas a intencionalidade suicida e o desejo de dar fim à vida estão ali, basta querer olhar para esse sujeito, nas suas mais diversas formas, e observar que muitas vezes o pedido de socorro é transmitido.

Além de perceber os comportamentos e as mudanças que começam a ocorrer nos indivíduos, é extremamente importante a divulgação do Centro de Valorização da Vida (CVV), que conta com voluntários preparados para oferecer, por via telefônica (por meio do número 188), escuta e apoio emocional.

Luiz Henrique Souza de Toledo – Psicólogo Clínico do Hospital Notre Dame São Sebastião

Luzia Camargo

Excelência no atendimento é tema de qualificação, no Hospital Notre Dame São Sebastião

Compreender o perfil dos clientes atendidos é fator determinando na prestação de qualquer serviço. Na área da saúde, não é diferente. Perceber as necessidades e entender as diferentes demandas, a partir de um olhar holístico e empático, contribui para a excelência no trabalho realizado.

Foi, justamente, a fim de tratar essas temáticas, que a assessora técnica do Instituto Hermes Pardini, Natália Verônica Hydeko Ishikawajima, reuniu-se com os colaboradores do Hospital Notre Dame São Sebastião.

Durante o encontro, a convidada falou, ainda, sobre os fatores que contribuem com a fidelização dos clientes e sobre a necessidade de constante aperfeiçoamento nas formas de atendimento, o que contribui para a boa imagem institucional.

 

Luzia Camargo

Inovação: a marca da atual Cirurgia Vascular

O avanço tecnológico chegou à Medicina nos anos 90, e na Cirurgia Vascular não foi diferente. Desde o tratamento do aneurisma de aorta abdominal por cateterismo, que reduziu a mortalidade desta temível doença, o tratamento de muitas outras doenças das artérias por cateterismo foi possível.   Hoje é possível tratar entupimentos das artérias das pernas e das carótidas, tudo através do cateterismo.

A partir dos anos 2000, houveram avanços, também, nos tratamentos das veias. As varizes pélvicas, que provocam dor durante a relação sexual e as diferentes veias das pernas e da vagina, passaram a ser estudadas mais a fundo, possibilitando a criação de tratamentos a laser.

De acordo com o cirurgião vascular que atende no Hospital Notre Dame São Sebastião, Mateus Picada Correa, nos últimos anos, o tratamento de muitas outras doenças foi possível graças aos avanços da cirurgia vascular. Hoje a trombose venosa profunda e a embolia pulmonar, por exemplo, são tratadas com um cateter que aspira coágulos. Já os miomas uterinos podem ser tratados por embolização, um procedimento minimamente invasivo.

Todos esses tratamentos são oferecidos pelo Hospital Notre Dame São Sebastião. O agendamento de consultas pode ser feito através do telefone (54) 3383- 4200.

Luzia Camargo

Fonoaudiologia trata da habilitação e reabilitação da comunicação humana

A fonoaudiologia é a área da saúde responsável pela promoção, prevenção, avaliação e diagnóstico, orientação, terapia e aperfeiçoamento dos aspectos da comunicação humana. Trabalha com pacientes de todas as idades, principalmnte com público dos recém-nascidos até pessoas idosas.

O fonoaudiólogo pode atuar nas especialidades de:

Audiologia: Por meio da audição é que se adquire, normalmente, a comunicação oral. Doenças na gestação, infecções de ouvido, uso indiscriminado de medicamentos, exposição a ruídos intensos e outros podem causar alterações auditivas, comprometendo a comunicação e a qualidade de vida do indivíduo.

Linguagem: É a especialidade que trabalha com os aspectos que envolvem a comunicação oral e escrita.

Motricidade Orofacial: Nesta especialidade, o fonoaudiólogo habilita/reabilita funções relacionadas à respiração, sucção, mastigação, deglutição, expressão facial e articulação da fala, propiciando melhores condições de vida e de comunicação.

Saúde Coletiva: É um campo da Fonoaudiologia voltado a construir estratégias de planejamento e gestão em saúde, no campo fonoaudiológico, com vistas a intervir nas políticas públicas, bem como atuar na atenção à saúde, nas esferas de promoção, prevenção, educação e intervenção, a partir do diagnóstico de grupos populacionais.

Voz: O fonoaudiólogo previne, avalia e trata os problemas da voz falada (disfonias), cantada e ainda aperfeiçoa os padrões vocais.

Além disso, o fonoaudiólogo realiza exames como Emissões Otoacústicas (Teste da orelhinha), Teste da linguinha, PEATE (potencial evocado auditivo do tronco encefálico), audiometria clínica e ocupacional, avaliação do processamento auditivo central, vectoeletronistagmografia, além de consultoria sobre a amamentação.

O Hospital Notre Dame São Sebastião disponibiliza serviços fonoaudiológicos, que são realizados pela fonoaudióloga Letícia Copini. O agendamento de consultas pode ser feito através do telefone (54) 3383- 4200.

 

 

Luzia Camargo

Exames auxiliam na detecção do Câncer de Cólon

O Câncer de Cólon, ou câncer colorretal, é o 3º tipo de câncer mais prevalente na população brasileira. Ele acontece quando tumores malignos se formam na região do intestino grosso.

A doença atinge, principalmente, pessoas obesas, com dieta pobre em fibras, que não praticam exercícios físicos e possuem vícios como o tabagismo e o alcoolismo.

Dores no abdômen, sangramento retal e obstrução intestinal são alguns dos sintomas mais simples de alerta. Mas é preciso estar atento também a outros indicadores, como anemia e emagrecimento não intencional.

Quando esses sintomas são detectados, é importante buscar atendimento médico, para a realização de exames que atuam no rastreamento da doença. O principal procedimento que ajuda a identificar o câncer colorretal é a colonoscopia.

O Hospital Notre Dame São Sebastião disponibiliza este serviço, com quadro médico clínico e cirúrgico. Agendamentos de consulta podem ser realizadas pelo telefone (54) 3383 – 4200.

 

 

Luzia Camargo